Saiba porque a Apple é “à prova” de polémicas como Antennagate e Bendgate

Depois de ter sido anunciado em junho de 2010, o iPhone 4 foi vítima de um polémico defeito na antena de rede. No entanto, a Apple continuou a bater recordes de vendas e a angariar cada vez mais fãs.

Quatro anos depois, o mesmo acontece com o iPhone 6 Plus mas por um motivo diferente: este dobra-se. Apesar disso, tudo indica que o futuro da Apple irá pelo mesmo caminho que em 2010, ou seja, mais recordes e mais fãs.

Mas como é isto possível?

Ken Segall, ex-executivo da Apple

Ken Segall, ex-executivo da Apple

Num artigo publicado recentemente por Ken Segall, um ex-executivo da Apple (e que deu nome ao iMac), ele explica como Steve Jobs conseguiu criar uma empresa capaz de fazer frente a polémicas que arrasariam qualquer outra empresa.

O segredo, segundo Segall, é fazer com que as pessoas sejam apaixonadas pela marca. O próprio explica: “(Steve) quis que cada parte da experiencia do cliente fortalecesse essa paixão – desde publicidade e experiência dentro das lojas até ao abrir da caixa do produto, disfrutando do produto e tendo suporte quando fosse necessário”.

Só deste modo seria possível fazer com que os fãs da Apple continuassem fieis à empresa quando surgisse algum tipo de problema que, segundo Jobs, seriam inevitáveis mesmo para uma empresa como a Apple.

E mais uma vez, Steve Jobs estava certo...