Rumores “quentes” falam em 3 novos iPhones para este ano, o “regresso” da cor dourada e dual-SIM

Linha iPhones 2018.jpg

Quem tem acompanhado de perto - aqui no Kioske da Maçã - os rumores para os próximos iPhones que deverão ser lançados em setembro deste ano, sabe que o analista Ming-Chi Kuo, da empresa KGI Securities e conhecido por acertar na maioria das suas “previsões Apple” (devido às suas excelentes fontes na cadeia de fornecimento da Maçã), tem falado nos seus relatórios que a Apple deverá lançar este ano 3 novos iPhones com a ideologia/design do iPhone X: um de 5,8 polegadas, e que é basicamente uma atualização do atual iPhone X, outro com 6,5 polegadas e seria uma versão “Plus”, e um terceiro modelo com ecrã LCD de 6,1 polegadas e com um preço mais simpático.

Agora, o jornalista da Bloomberg Mark Gurman, também conhecido pelas suas excelentes fontes, desta feita dentro da própria Apple, acaba de “confirmar” parte desses rumores que Kuo tem falado nos últimos meses. Segundo Mark, o objetivo da Apple com 3 novos modelos será o de atrair mais consumidores que gostam do formato phablets, ao mesmo tempo que conseguem obter a experiência iOS por um valor menor do que o atual iPhone X.

Em relação ao modelo “Plus” de 6,5 polegadas, Mark diz que este deverá ser o mais apetecível para o mercado empresarial. A resolução do ecrã deste modelo deverá ser a mesma que o iPhone X, ou seja, 1242×2688 pixéis e contará com as mesmas funcionalidades principais, tais como ecrã OLED e Face ID. Já para ambos os modelos com ecrã OLED, a Apple deverá apresentar uma “nova” cor em dourado, marcando assim o regresso deste tom à sua linha de smartphones flagship.

Uma das coisas mais curiosas mencionadas por Mark é que parece que a Apple está a considerar uma versão desse iPhone de 6,5 polegadas com dual-SIM, algo que seria inédito na Maçã e que sei, por experiência própria, é um deal-breaker para muitos potenciais utilizadores iOS. No entanto, isso é algo que ainda não está “fechado”, pois a Apple também considera a hipótese de esperar pelo desenvolvimento e maior difusão da tecnologia eSIM para que possa ultrapassar as barreiras que tem encontrado junto de algumas operadoras para a sua implementação.

Onde Kuo e Mark diferem um pouco nos seus rumores é em relação ao modelo de iPhone que terá ecrã LCD e será o mais acessível da linha. Mark diz que este irá ter um ecrã menor que o iPhone X, o que faz mais sentido do que o rumor de Kuo que mencionei no início do artigo, em que este iPhone, apesar de ser o mais acessível dos três, teria um tamanho intermédio de ecrã. Para Mark, esta decisão da Apple lançar um modelo menor e mais em conta teria a ver com a imagem desgastada dos iPhones 6, 6s, 7 e 8, uma vez que têm basicamente o mesmo design desde 2014, e assim a Apple teria um novo smartphone, mais pequeno e menos caro mas com a ideologia do X.

Para mim, esta estratégia de um novo iPhone mais pequeno parece-me ser a mais acertada e talvez até haja alguma coisa de comum entre este rumor de Mark Gurman e os rumores que têm falado de uma nova versão do iPhone SE…