Criança consegue desbloquear iPhone X da mãe com o Face ID (vídeo)

Não tem sido uma semana fácil para o Face ID do iPhone X. Depois deste artigo, onde demos conta de uma empresa que diz ter enganado novo sistema de autenticação biométrico do iPhone X com uma máscara, surge agora um vídeo onde uma mãe, utilizadora dum iPhone X, mostra que o seu filho de 10 anos consegue desbloquear o dispositivo usando o Face ID:

O que mais me surpreende neste vídeo é o rapaz conseguir desbloquear à primeira. Claro que a realidade poderá ser outra e este vídeo ser a 3ª, 10ª  ou 87ª tentativa mas partindo do pressuposto que isso não aconteceu, é mesmo surpreendente. Pelo menos em parte, pois se recordarmos o evento especial da Apple em setembro passado, quando o Face ID é apresentado, Phil Schiller diz que “a probabilidade de uma pessoa aleatória na população poder olhar para o seu iPhone X e desbloquea-lo com a sua cara é cerca de um em um milhão e, claro, a estatística é mais baixa se essa pessoa partilhar uma relação genética próxima consigo” - o que claramente é o caso de uma mãe e um filho, ainda mais quando são claramente a cara chapada um do outro. Ainda assim, não serve de desculpa para a Apple, pois todos nós ficámos a pensar no exemplo que ela própria deu no evento dos gémeos, mas agora sabemos que é um pouco mais abrangente que isso.

Ainda assim não considero nenhuma das situações - máscara e do filho - preocupantes, pois a primeira é demasiado elaborada para ser facilmente reproduzida e a segunda só se torna muito grave se, neste caso, a mãe tiver o Face ID ativado para compras com o Apple Pay e/ou na App Store. O problema é que a ideia que passa para o público em geral é a de que o Face ID é mais facilmente enganado que o Touch ID, o que de facto não acontece.

Mas na vossa opinião, acham estes factos falhas graves na segurança do Face ID, ou não estão muito preocupados?