Apple autoriza pré-vendas e períodos de teste de apps nas suas lojas

Pode ser difícil acreditar mas em 2017 a Apple ainda não permitia aos programadores, salvo raras exceções como o “Mário Run”, fazerem pré-vendas das suas apps, tal como também não era possível ter acesso a períodos experimentais de apps. Até agora!

Após atualizar a política de utilização da plataforma onde os programadores gerem as suas apps, iTunes Connect, passou a ser possível para os programadores escolher se querem pôr a sua app em pré-venda, ou seja, permitir aos consumidores comprarem a app enquanto a mesma não é lançada, isto num período que pode variar entre os 2 e os 90 dias antes do lançamento da tal app.

Adicionalmente, e talvez o mais interessante, passa a ser possível para os programadores de aplicações com assinatura oferecerem períodos de testes, de forma a que o utilizador possa tirar conclusões sobre a app antes de pagar o que o valor “normal”. Os programadores poderão escolher uma de três hipóteses para períodos de testes:

  1. Pay as you go - O utilizador paga apenas uma percentagem da assinatura nos primeiros meses
  2. Pay up front - O utilizador pode pagar vários meses de forma antecipada com desconto
  3. Free trial - O mais esperado por todos, em que o utilizador pode experimentar a app por um tempo determinado sem qualquer custo.

Já diz o ditado, mais vale tarde do que nunca. Boa Apple!