Apple apresenta iOS 12 com Agrupamento de Mensagens, FaceTime em grupo, Memojis e mais…

Ontem, dia 04 de junho, a Apple deu o pontapé de saída para mais uma WWDC-Worldwide Developers Conference, que irá decorrer até ao fim da semana.

Na keynote de abertura foram apresentadas as principais novidades dos seus próximos sistemas operativos que deverão chegar ao público no outono deste ano, sendo que neste artigo iremos abordar exclusivamente o iOS 12 por forma a abranger o máximo de novidades possiveis.

O primeiro item abordado no iOS 12 foi performance. O sistema foi de tal forma otimizado que em alguns casos, como no iPhone 6 Plus, as apps poderão ser abertas até 40% mais rápido, o teclado até 50% mais rápido a surgir e as fotos até 70% mais rápidas a serem tiradas. A forma como o processador responde a picos de exigência foi otimizada e agora, em vez de aumentar a velocidade de forma gradual, esta é imediatamente disponibilizada poupando tempo e melhorando a experiência de utilização.

A realidade aumentada (abreviada em inglês de AR) no iOS foi também alvo de melhorias. A Apple, em parceria com a Pixar, criou um novo formato de ficheiros designado de USDZ que está otimizado para partilhar informações gráficas 3D. A precisão da AR no iOS e a popularização de apps que tiram medidas ao mundo real levou a que a Apple incluísse uma nova app dedicada para esse efeito, designada de Measure. Foi ainda anunciada a segunda versão da plataforma de AR da Apple, o ARKit 2.0, em que a grande novidade, além de aprimoramento nos gráficos, é a possibilidade de partilhar experiências, uma espécie de multiplayer em que cada utilizador, em dispositivos diferentes, conseguem ver e interagir com o mesmo conteúdo, sincronizado em tempo real.

ar_static_large_2x.jpg

A app Fotos foi atualizada com sugestões de pesquisa inteligentes, mais termos de pesquisa e um novo separador designado de “For You”, onde podemos encontrar destaques - que são seleccionados automaticamente - momentos e sugestões de efeitos, fazendo lembrar o “Assistente” do Google Fotos. Agora a app também sugere com quem partilhar determinadas fotos e quando estas são enviadas, a pessoas que as recebe é notificada com uma sugestão de envio de fotos sobre o mesmo evento.

A Siri, infelizmente, não ficou muito mais inteligente mas em compensação ganhou novas funcionalidades que a podem tornar mais útil. Agora com “Atalhos”, podemos criar um comando de voz para desencadear uma ação num determinado app, como por exemplo num app para localizar chaves, associar a expressão “Perdi as minha chaves” para a Siri abrir a app. As sugestões foram melhoradas e com os “Atalhos”, a Siri pode mostrar no ecrã de bloqueio ações que habitualmente fazemos em determinados horários, como iniciar um treino ou pedir um café. Se, por exemplo, tivermos atrasados para uma reunião, veremos também no ecrã de bloqueio uma sugestão de enviar uma mensagem para a pessoa com iremos ter essa reunião a dizer que estamos um pouco atrasados. Estes “Atalhos” terão uma app específica para podemos personaliza-los a nosso gosto, tal como acontecia na app Workflow que a Apple comprou em março de 2017, e criar assim um fluxo de ações. Por exemplo, podemos dizer à Siri que estamos a caminho de casa e ela ativar uma série de funções e atividades que nós tivermos designado.

Alguns apps nativos foram atualizados, como a Notícias, Dictafone, Bolsa e iBooks (renomeado para Apple Books) sendo que nestas três últimas o foco foi no design.

Com o iOS 12, o sistema de infotenimento de veículos Apple CarPlay foi também atualizado com suporte a apps de terceiros, como Waze e Google Maps, o que são excelentes notícias!

O modo Não Incomodar tem novos recursos, como o facto de não mostrar à noite a lista de todas as notificações no ecrã de bloqueio. Será também possível definir períodos em que o modo se ativa automaticamente ou quando acabar uma reunião, por exemplo. Poderemos também, diretamente no ecrã de bloqueio, desativar as notificações de uma determinada app.

Uma das funcionalidades mais simples mas mais pedidas de sempre chegou finalmente ao iOS, que é a possibilidade de agrupar notificações, por app ou por tópico, impedindo assim que o caos se instale no nosso ecrã.

Tal como a Apple tinha prometido, o iOS 12 agora traz mais informações sobre o modo como usamos os nossos dispositivos. A nova funcionalidade de “Tempo no Ecrã” envia relatórios semanais onde é possível sabermos, por exemplo, quantas notificações recebemos de determinado app, em que tipo de apps passamos mais tempo, etc. Claro que só esta informação já seria ótimo, mas agora a Apple permite também impormos Limites de utilização em apps, muito útil para quem tem crianças. Os pais podem inclusivamente receber no seu dispositivo o relatório do dispositivo da criança e a partir daí criar os tais Limites.

Uma atualização do iOS sem novidades nas Mensagens, não é uma atualização como deve ser, certo? Pelo menos deve ser o que a Apple pensa, pois agora no iOS 12 há mais novidades nesta app, começando pelos Animojis. Tal como a concorrência já tinha feito, agora é possível criarmos um Emoji à nossa semelhança (ou não). A este recurso, a Apple designou de Memojis. Além disso, a Apple introduziu o reconhecimento da língua, o que possibilita deitarmos a língua de fora nestes “bonecos”. Temos ainda novas opções da câmara via Mensagens, como adicionar efeitos e adesivos em tempo real, ou então substituir a nossa cara pelo Memoji criado.

Outra novidade vinda do baú dos desejos para o iOS também chegou agora na sua 12º versão: chamadas em grupo no FaceTime! Podemos fazer chamadas em grupo de voz ou vídeo e com suporte até 32 pessoas em simultâneo. No caso do vídeo, são dispostas diversas imagens dos participantes, que ficam a flutuar no ecrã, sendo que quem fala ganha destaque com a sua janela a ficar maior mas se preferirmos, podemos faze-lo manualmente para qualquer participante. Os efeitos de câmara mencionados anteriormente no Mensagens também estão disponíveis nas chamadas de vídeo do FaceTime.

O iOS 12 será compatível com o iPhone 5s ou mais recente, iPod Touch de sexta geração, iPad mini 2 ou mais recente, iPad Air ou mais recente e todos os iPads Pro.