Novos Macbook Air são mas rápidas mas também mais lentos (sim, leu bem!)

Tal como noticiamos recentemente, a Apple atualizou a sua linha de Macbooks Air com um aumento na velocidade do processador e melhor autonomia da bateria.

Os testes de desempenho feitos recentemente às novas máquinas mostram que estas superam os seus antecessores, sendo cerca de 2 a 5% mais rápidos. No entanto, as unidades SSD demonstraram ser um pouco mais lentas, apesar da maior velocidade do processador, contribuindo para uma queda na pontuação geral no teste Speedmark.

Resultados em pontos, quanto mais melhor. Testadas as configurações padrão.
Modelos de referência indicados em itálico. Testes por James Galbraith e Albert Filice.

Por outro lado, as baterias registaram um desempenho melhor, com um incremento de autonomia que varia entre 20 a 23 minutos mais que os modelos anteriores.

Resultados em minutos, quanto mais melhor. Modelos de referência indicados em itálico
Testes por James Galbraith e Alex Filice.

Em jeito de análise, diria que a Apple preocupou-se mais nesta atualização com a autonomia do que com o desempenho, substituindo as unidades SSD por outras mais eficientes, o suficiente que permitissem obter um ganho na autonomia da bateria apesar do aumento na velocidade de processamento.

Parece-me no entanto que este “downgrade” de desempenho não irá ser notório da utilização do dia-a-dia para os utilizadores alvo deste produto (que utilizam o portátil para navegar na internet, processar texto, verificar email), sendo que ainda ganham minutos adicionais de produtividade.